PUBLICIDADE

Anuncie aqui – TOPO

Bugatti Chiron pode ultrapassar os 480 km/h em teste

Que o desempenho do Bugatti Chiron é assombroso todos sabemos, mas o piloto de testes da marca, Andy Wallace, afirmou em entrevista à revista Popular Mechanics que o super carro pode ser ainda mais rápido que o previsto pela marca francesa.

O Chiron tem dois limitadores de fábrica, um que barra o carro a 381 km/h, e outro, liberado por uma chave especial, que deixa o modelo acelerar até 420 km/h, também limitados eletronicamente e que já torna o Chiron quase 5 km/h mais rápido que seu antecessor, o Veyron. No entanto, segundo Wallace, o modelo tem força para chegar aos 450 km/h, aí limitados pelos pneus, que podem não suportar velocidades ainda maiores.

Aí entra a Michelin, desenvolvedora dos pneus do Chiron, que poderá trabalhar para produzir pneus mais resistentes, especiais para o modelo. Wallace afirma que quando o Chiron for testado oficialmente pela Volkswagen para registrar sua velocidade máxima, algo aguardado para o próximo ano, o modelo deverá estar equipado com pneus mais modernos, capazes de suportar toda a força dos 1.500 cv. Segundo o piloto, totalmente livre, o Chiron poderia quebrar a barreira das 300 milhas por hora, nada menos que 483 km/h.

Artigos relacionados

//

Museu em homenagem a... Leia mais

//

Toyota Etios tem nov... Leia mais

//

Bugatti Chiron bate ... Leia mais

Comentários

PUBLICIDADE

Anuncie Aqui – Rodapé
Simulador de consórcio
 
 
Escolha seu ou sua

 
 

Voltar do inicio


Preços do fabricante nº 048/15, 129/14 e 158/15 de 01 de janeiro de 2015.
Taxa de administração (média mensal) de 0,2500%. Valores válidos pata todos os estados, podendo ser alterados de acordo com a tabela do fabricante.
Percentual da contribuição mensal: “parcelas 25% menores” = 0,9375% até a contemplação e “Parcela Integral” = 1,2500%. As contribuições mensais contemplam o valor do seguro de vida. Eventual diferença no valor cobrado pela primeira contribuição, será compensada na contribuição seguinte, situação na uqal os cliente deverão ser informados na assinatura do contrato de adesão.

×